quinta-feira, maio 19, 2011

À atenção dos empresários e sindicatos


Neste último 25 de Abril, para além da cerimónia oficial que se realizou no Palácio de Belém, houve também uma manifestação de trabalhadores na Avenida da Liberdade.


Uma equipa da televisão nipónica que estava em Portugal a fazer uma reportagem sobre o nosso país aproveitou a data para fazer a cobertura dessa manifestação. Quando o repórter japonês foi questionado por um jornalista sobre o que pensava sobre as greves em Portugal e se elas tinham algumas semelhanças com as que se efectuavam no seu país, ele disse (mais coisa menos coisa) num português muito mal amanhado (mas ainda assim perceptível), entre salamaleques e sorrisos simpáticos:


“no Japão não há greves. Os empresários sabem que sem trabalhadores as empresas não progridem e os trabalhadores sabem que sem empresários e empresas não podem trabalhar. Por isso arranjamos consensos e chegamos sempre a acordo. É uma questão de bom senso”.


À atenção dos empresários e sindicatos.